eliomar-coelhoVereador da cidade do Rio de Janeiro, cidade que tem vários problemas relacionados a animais, Eliomar Coelho (Psol) é um defensor ferrenho da escravidão de cavalos no bairro de Paquetá, região turística da cidade do Rio de Janeiro.

A situação é tão caótica para os animais que até o jornal O globo realizou uma pauta sobre  o tema em fevereiro deste ano :”Alvo de denúncias de maus tratos a animais há anos, o serviço de charretes de Paquetá poderá ficar sem seus cavalos. A promotora de Meio Ambiente Christiane Monnerat entrou com uma medida cautelar na 19ª Vara Criminal do Rio pedindo que a Justiça determine a busca e apreensão de todos os  37 cavalos usados nesse tipo de transporte na ilha. :
Sob sol, sob a chuva trabalham sem descanso.

Sob sol, sob a chuva trabalham sem descanso.

Nas palavras da propria promotora ““a alimentação que vem sendo fornecida é insuficiente” e os animais são submetidos estirões de trabalho sem revezamento. Além disso, seriam usados chicotes, o que é proibido por decreto municipal.”

Recentemente, no dia 6/05/2014 ,o vereador Eliomar Coelho fez um infeliz discurso na Câmara Municipal Carioca onde confirmou suas convicções especistas e ultrapassadas em relação aos nossos irmãos Equinos.

Matéria do portal vista-se também denuncia a delicada situação dos equinos na cidade.

Matéria do portal vista-se também denuncia a delicada situação dos equinos na cidade.

Vejam abaixo transcrição do discurso:

“Prezados Senhores Vereadores e Vereadoras, somos a favor da manutenção das charretes na Ilha de Paquetá e somos a fa

Até as costelas ficam aparentes por conta da péssima alimentação. Mas Eliomar Coelho apóia isso.

vor de uma vigilância permanente e severa a respeito das condições em que os cavalos são mantidos e trabalham.
Ninguém é a favor do sofrimento dos animais! Entendemos que o poder público tem o dever de cumprir o seu papel de fiscalizador do serviço, garantindo o bem estar dos cavalos, através da aplicação de critérios estabelecidos por veterinários.

A política pela qual é mais fácil se eliminar um serviço do que fiscalizá-lo para que opere corretamente, criou a situação dos bondinhos de Santa Teresa, e agora, ameaça o funcionamento das charretes em Paquetá.
Não aceitamos o pressuposto de que os cavalos não devam ou possam trabalhar. No mundo ideal ninguém precisaria trabalhar, mas infelizmente o trabalho faz parte da vida de todos, humanos ou animais, e não sobrevivemos sem ele.
Temos em Paquetá 19 famílias que dependem das charretes para o seu sustento, e seu bem estar não pode ser menos importante do que o bem estar dos cavalos!”

Políticos como Eliomar Coelho não merecem ser eleitos.